A PROPÓSITO

quinta-feira, 27 de março de 2014

| | | 0 comentários

PERSONALIDADE DA SEMANA


XICO BRAGA



O Xico é um escritor que vive no concelho do Seixal. Foi professor, de filosofia, por isso está-lhe no sangue ensinar. Ensina escrevendo e conversando sobre afetos. Gosta de falar na primeira pessoa, por isso fala muito da sua experiência de vida, da sua infância, da sua juventude…

Esta semana recebemo-lo, na biblioteca da Alembrança, para nos falar de livros, de leituras e do que escreve.

A PROPÓSITO

terça-feira, 25 de março de 2014

| | | 0 comentários

Histórias por um canudo - 3º ciclo


Podes ouvir a história aqui

A LENDA DAS AMENDOEIRAS

Há muito, muito tempo, muito antes de haver o reino de Portugal, havia um rei mouro no Algarve que casou com uma princesa do norte da Europa.
Apesar de o rei amar profundamente a sua esposa e de satisfazer todos os seus desejos, esta, à medida que o tempo passava, ia ficando cada vez mais triste. Ao vê-la assim tão triste, sem sorrir, tão quieta e tão pálida, o rei tudo fez para a ver sorrir outra vez.
Um dia sem saber já o que fazer perguntou-lhe a razão de tamanha tristeza. A princesa, lavada em lágrimas, disse-lhe que tinha umas saudades imensas de ver os campos cobertos com o manto branco de neve.
O rei que nunca tinha visto nevar no Algarve, pôs-se a pensar como poderia cobrir os campos de branco e assim agradar à sua rainha. Então teve a ideia de mandar plantar amendoeiras em todos os campos que se viam do castelo.
Quando chegou a primavera o rei convidou a rainha para darem um passeio pelas muralhas do castelo, ela, que já havia muito tempo não saia dos seus aposentos, resolveu aceitar, por cortesia, pois o rei era muito gentil com ela.
Quando chegou ao topo das muralhas olhou para os campos e viu que estes estavam completamente cobertos de branco, então uma alegria imensa encheu o seu coração e sorriu de felicidade – as amendoeiras estavam em flor e parecia mesmo que tinha acabado de nevar.

Dizem que é por isso que ainda hoje há amendoeiras no Algarve.

Adaptado

A PROPÓSITO

| | | 0 comentários

Histórias por um canudo - 2º ciclo



 A RAPOSA E A CEGONHA 

Um dia a raposa foi visitar a cegonha e convidou-a para jantar.
Na noite seguinte, a cegonha chegou a casa da raposa.
- Que bem que cheira! – disse a cegonha ao ver a raposa a fazer o jantar.
- Vem, anda comer. – Disse a raposa, olhando o comprido bico da cegonha e rindo-se para si mesma.
A raposa, que tinha feito uma saborosa sopa, serviu-a em dois pratos rasos e começou a lamber a sua. Mas a cegonha não conseguiu comer: o bico era demasiado comprido e estreito e o prato demasiado plano. Era, porém, demasiado educada para se queixar e voltou para casa cheiinha de fome.
Claro que a raposa achou montes de piada à situação!
A cegonha pensou, voltou a pensar e achou que a raposa merecia uma lição. E convidou-a também para jantar. Fez uma apetitosa e bem cheirosa sopa, tal como a raposa tinha feito. Porém, desta vez serviu-a em jarros muito altos e estreitos, totalmente apropriados para enfiar o seu bico.
- Anda, vem comer amiga Raposa, a sopa está simplesmente deliciosa. – Espicaçou a cegonha, fazendo o ar mais cândido deste mundo.
E foi a vez de a raposa não conseguir comer nada: os jarros eram demasiado altos e muito estreitos.
- Muito obrigado, amiga Cegonha, mas não tenho fome nenhuma. - Respondeu a raposa com um ar muito pesaroso. E voltou para casa de mau humor, porque a cegonha lhe tinha retribuído a partida.

MORAL Nunca faças aos outros o que não gostas que te façam a ti.

(Adaptado)

A PROPÓSITO

| | | 0 comentários

Histórias por uma canudo - Pré-escolar e 1º ciclo


Podes ouvir a história aqui
A BRUXA

​​A Bruna tinha os cabelos eriçados, duas verrugas no nariz e aquela mania de se vestir de preto. Além disso andava sempre de vassoura na mão, com a mania das limpezas. - És bruxa! És bruxa! És bruxa! – troçavam os miúdos. Pois, se parecia, alguma coisa havia de ganhar com isso. No dia 30 de Outubro, dia das Bruxas, arranjou-se mesmo a rigor e apresentou-se no concurso para Miss Bruxa. Claro que ganhou o primeiro prémio. Foi para casa e, como estava desempregada, surgiu-lhe uma ideia. Escreveu numa tábua carunchosa, a tinta roxa: Bruxa premiada dá consultas. Faz descontos especiais no Dia das Bruxas. Ora por lá passou um rapaz que andava muito apoquentado. Bateu à porta, que se abriu, rangendo, e tropeçou em sete gatos.- O que o traz por cá? – perguntou Bruna.- É o mau cheiro que tenho nos pés. Quando me aproximo, as pessoas fogem a toda a velocidade… Já procurei médicos, curandeiros, engoli comprimidos, enfiei supositórios, besuntei-me com pomadas mas nada me cura… - Pois então descalce-se - disse a “ bruxa”, apertando o nariz com uma mola da roupa. E que viu ela? Uns pés tão sujos, tão cheios de chulé como não devia haver outros no mundo.- Já lhe trato da saúde! Pôs três barras de sabão a derreter dentro dum caldeirão, juntou sumo de limão, flores de alecrim e obrigou o rapaz mergulhar nessa mistela as patorras imundas durante três horas. Depois, com a vassoura, raspou tão bem toda a porcaria que de lá saíram uns delicados pezinhos brancos, sobre os quais verteu sete jarros de água do poço.- Agora tem de continuar o tratamento em casa, todos os dias. Basta lavar à torneira, com sabonete! E compre sapatos novos, que os velhos estão contaminados. Tornou-se famosa. À sua porta alinhavam-se bichas intermináveis de clientes.Com o dinheiro do prémio e das consultas, tirou um curso de magia pela internet. Comprou um velho castelo assombrado, setenta vampiros para o guardarem, setenta corujas para lhe fornecerem ovos, setenta osgas para lhe cuidarem do jardim. - É bruxa! É bruxa! É bruxa! – diziam, cada vez mais convictos, os miúdos. Mas acham que ela se ralava? Ria-se, feliz, e oferecia-lhes logo caramelos de baba de sapo. Era remédio santo para eles darem corda aos sapatinhos.


Luísa Ducla Soares

A PROPÓSITO

sexta-feira, 21 de março de 2014

| | | 0 comentários
A PRIMAVERA É TAMBÉM POESIA

A PROPÓSITO

quinta-feira, 20 de março de 2014

| | | 0 comentários

QUINZENA DA LEITURA - Histórias por um canudo


Atividade de escrita criativa desenvolvida com turmas do primeiro, segundo e terceiro ciclos e com os grupos da pré.




Caiu da estante... Alembrança

| | | 0 comentários
Chegaram novidades à Biblioteca da Alembrança, vem espreitar....



A PROPÓSITO

quarta-feira, 19 de março de 2014

| | | 0 comentários

Dia do Pai

algumas sugestões
Pê de Pai

O meu pai

Aconteceu...

quinta-feira, 13 de março de 2014

| | | 0 comentários

Vinda do coautor Daniel Completo ao nosso Agrupamento

Os alunos do pré-escolar e do 1º ano, tiveram oportunidade de assistir ao espetáculo de apresentação de um livro do Daniel Completo - "O Jantar dos Animais"
Foram momentos muito divertidos.

(com som)

Caiu da estante... Alembrança

quarta-feira, 12 de março de 2014

| | | 1 comentários

Quiz4You SeguraNet


Chegou à Biblioteca da Alembrança um novo jogo. É constituído por 52 cartas com mais de 200 questões sobre segurança digital.
Aparece na Biblioteca da Alembrança, vão ser horas de diversão e aprendizagem. 

A PROPÓSITO

segunda-feira, 10 de março de 2014

| | | 1 comentários

Quinzena da Leitura

Já começou a Quinzena da Leitura no nosso Agrupamento, juntos vamos celebrar a Língua Portuguesa. Aparece!



Divulgamos um vídeo sobre a Língua Portuguesa que reúne uma série de depoimentos extraídos do filme de Victor Lopes.